Tempo de leitura: 2 minutos

Reabertura segura das escolas: Bett Educar reúne Todos Pela Educação e doutora Luana Araújo

|

“Escolas reabrem: como retornar em segurança?” foi o tema da primeira edição do Palco de Lives, realizado pela Bett Educar, que contou com as presenças de Olavo Nogueira Filho, diretor-executivo do Todos, e de Luana Araújo, médica infectologista, que enriqueceram o debate com evidências, reforçaram o papel social da escola e trataram sobre a questão do aumento das desigualdades educacionais, sob a mediação de Adriana Martinelli, diretora de conteúdo da Bett Educar.

Olavo falou sobre a importância da reabertura das escolas contemplar a segurança sanitária e ser efetiva do ponto de vista educacional, apontando: “são necessárias ações de busca ativa escolar e de acolhimento, além de programas de aceleração da aprendizagem e expansão da jornada escolar”. Para ele, a esperança de que há o que fazer para nos recuperarmos deste momento deve estar aliada à cobrança, para que os impactos não perdurem por longo período: “A cobrança tem de ir além da reabertura, que sozinha não basta, precisamos do olhar intersetorial. Isso exigirá muito investimento, esforço, articulação e prioridade política, o que infelizmente não vimos durante todo este tempo”. 

Para a doutora Luana, precisamos estabelecer confiança para a retomada e para isso, “a transparência e a informação clara deveriam ser o norte de toda estratégia de combate à pandemia”. A médica ainda ressaltou que a retomada da Educação salva vidas das crianças, lembrando que a segurança alimentar e física das crianças parte também da escola. E também enfatizou: “Quando pesamos o risco-benefício, não dá para imaginar que um país mantenha escolas fechadas por mais de um ano e meio. Estamos em um bom momento para o retorno às aulas presenciais, temos redução de casos e de óbitos e vacinação avançando. Precisamos levar isso em consideração, sem esquecer das ameaças, portanto a participação de todos na manutenção das medidas de segurança ainda precisa existir”.